fbpx

O relógio do Mestre estava sempre marcando a hora errada.

“Será que não dá para você tomar uma providência?” – diz o discípulo.

“Bem, o relógio nunca está certo.” responde o Mestre. “Qualquer que seja a providência, já será uma melhora.”

Dito isto o Mestre deu uma martelada no relógio. Ele parou.

“Você tem toda razão.” disse o mestre. – “De fato, já dá para sentir uma melhora.”

“Eu não quis dizer “qualquer providência” assim ao pé da letra, responde o discípulo, “Como é que agora o relógio pode estar melhor que antes?”

E o Mestre responde: “Bem, antes nunca estava certo.”

fevereiro 25, 2010

O relógio

O relógio do Mestre estava sempre marcando a hora errada. “Será que não dá para você tomar uma providência?” – diz o discípulo. “Bem, o relógio […]
fevereiro 18, 2010

Escrevendo uma carta

Um analfabeto pediu ao Mestre que lhe escrevesse uma carta. – Não posso – disse o Mestre -, por que queimei o pé. – E o […]
fevereiro 11, 2010

Mudar de assunto

Em uma tarde de mormaço, um jovem monge viu um sujeito vindo na sua direção pela estrada poeirenta, carregando um enorme e saboroso cacho de uvas. […]
fevereiro 5, 2010

O diamante azul

O jovem monge procura por todo o Tibet uma estátua do Buda que, sendo oca, abriga dentro um diamante azul. Menos por seu valor comercial do […]

COMO VOCÊ ESTÁ
SE SENTINDO HOJE?


AGENDE UMA CONSULTA
(11) 3171-0900

Rua Artur Frazão, 66 - Jardins - São Paulo/SP

O relógio do Mestre estava sempre marcando a hora errada.

“Será que não dá para você tomar uma providência?” – diz o discípulo.

“Bem, o relógio nunca está certo.” responde o Mestre. “Qualquer que seja a providência, já será uma melhora.”

Dito isto o Mestre deu uma martelada no relógio. Ele parou.

“Você tem toda razão.” disse o mestre. – “De fato, já dá para sentir uma melhora.”

“Eu não quis dizer “qualquer providência” assim ao pé da letra, responde o discípulo, “Como é que agora o relógio pode estar melhor que antes?”

E o Mestre responde: “Bem, antes nunca estava certo.”