Espero que eu esteja muito doente

Um Mestre, sentado na sala de espera do consultório médico, repetia em voz alta: “Espero que eu esteja muito doente” – o que intrigava os outros pacientes.
Quando o médico apareceu, o Mestre repetia quase gritando: “Espero que eu esteja muito doente”.

– Por que você diz isso? – perguntou-lhe o médico.

– Detestaria pensar que alguém que se sinta tão mal como eu não tenha nada.

COMO VOCÊ ESTÁ
SE SENTINDO HOJE?


AGENDE UMA CONSULTA
(11) 3171-0900

Rua Artur Frazão, 66 - Jardins - São Paulo/SP

Um Mestre, sentado na sala de espera do consultório médico, repetia em voz alta: “Espero que eu esteja muito doente” – o que intrigava os outros pacientes.
Quando o médico apareceu, o Mestre repetia quase gritando: “Espero que eu esteja muito doente”.

– Por que você diz isso? – perguntou-lhe o médico.

– Detestaria pensar que alguém que se sinta tão mal como eu não tenha nada.