fbpx

Perda de Cabelo Neonatal

cabelo-neonatal

Durante os primeiros 3 a 6 meses de vida há uma perda fisiológica de todo o cabelo do neonato. Em alguns o crescimento de novos fios mascara a perda, e o processo passa desapercebido. Na maioria dos lactentes, algum grau de perda ou mesmo a alopécia total é observado.

Os cabelos tem 3 estágios em seu ciclo vital:

  • Anágeno: fase de crescimento ativo, que tipicamente dura de 2 a 6 anos
  • Catágeno: fase de degeneração, que dura de 10 a 14 dias
  • Telógeno: fase de repouso e queda, que dura 3 a 4 meses

A perda de cabelo neonatal ocorre porque ao nascer todo o cabelo anágeno (em fase de crescimento) converte-se simultaneamente em catágeno (em fase de degeneração). Isso resulta na perda de todo o cabelo do couro cabeludo em 3 a 4 meses. Nenhum tratamento é necessário.

Outra forma benigna de perda de cabelo que ocorre no período neonatal é a alopécia traumática, tipicamente vista na parte posterior do couro cabeludo de bebês que dormem de costas.

Os pais devem ser tranquilizados de que a perda de cabelo neonatal é um processo normal, fisiológico, e que os cabelos retornarão com 6 a 12 meses de idade, sem tratamento.


Por: Dra. Amanda Camargo Leite – CRM 118761
Pós Graduada em Dermatologia

COMO VOCÊ ESTÁ
SE SENTINDO HOJE?


AGENDE UMA CONSULTA
(11) 3171-0900

Rua Artur Frazão, 66 - Jardins - São Paulo/SP

Durante os primeiros 3 a 6 meses de vida há uma perda fisiológica de todo o cabelo do neonato. Em alguns o crescimento de novos fios mascara a perda, e o processo passa desapercebido. Na maioria dos lactentes, algum grau de perda ou mesmo a alopécia total é observado.

Os cabelos tem 3 estágios em seu ciclo vital:

  • Anágeno: fase de crescimento ativo, que tipicamente dura de 2 a 6 anos
  • Catágeno: fase de degeneração, que dura de 10 a 14 dias
  • Telógeno: fase de repouso e queda, que dura 3 a 4 meses

A perda de cabelo neonatal ocorre porque ao nascer todo o cabelo anágeno (em fase de crescimento) converte-se simultaneamente em catágeno (em fase de degeneração). Isso resulta na perda de todo o cabelo do couro cabeludo em 3 a 4 meses. Nenhum tratamento é necessário.

Outra forma benigna de perda de cabelo que ocorre no período neonatal é a alopécia traumática, tipicamente vista na parte posterior do couro cabeludo de bebês que dormem de costas.

Os pais devem ser tranquilizados de que a perda de cabelo neonatal é um processo normal, fisiológico, e que os cabelos retornarão com 6 a 12 meses de idade, sem tratamento.


Por: Dra. Amanda Camargo Leite – CRM 118761
Pós Graduada em Dermatologia